SISTEMA PLANTIO DIRETO ORGÂNICO: PRODUTIVIDADE DE MILHO-VERDE EM FUNÇÃO DE DIFERENTES COBERTURAS DE SOLO

Luiz Fernando Favarato, Jacimar Luis de Souza, Rogerio Carvalho Guarçoni, Douglas Vianna Bahiense, André Ângelo Bellon

Resumo


O cultivo de diferentes espécies de plantas de cobertura possibilita a melhoria e a conservação do solo e da matéria orgânica, além de promover consideráveis aumentos de rendimento nas culturas subsequentes. Objetivou-se avaliar a produtividade do milho-verde sobre diferentes coberturas de solo no sistema plantio direto orgânico. O trabalho foi desenvolvido no município de Domingos Martins, ES, Brasil. Foi estudada a produtividade de milho verde em função de cinco sistemas de produção, constituídos por três coberturas de solo no sistema plantio direto (SPD) orgânico, com palha de aveia-preta; com palha de tremoço-branco; com palha do consórcio aveia/tremoço e dois sistemas sem palhada e com revolvimento do solo, um orgânico e outro convencional, estes dispostos no delineamento de blocos casualizados, com seis repetições. Foram realizadas avaliações de número total de espigas comerciais, produtividade total de espigas com palha e sem palha, peso médio de espigas com palha e sem palha, produtividade, peso médio e percentual de espigas comerciais, comprimento e diâmetro de espigas comerciais sem palha. O uso de tremoço-branco solteiro ou em consórcio com aveia-preta apresentaram-se proporcionaram produtividade satisfatória para a cultura do milho-verde.

Palavras-chave


Zea mays; plantas de cobertura; agricultura orgânica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.525

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Univap

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.