ANÁLISE MICROBIOLÓGICA DE MÃOS DE MANIPULADORES DE ALIMENTOS DO MUNICÍPIO DE SANTO ANDRÉ

Edeli Simioni de Abreu, Flavia da Silva Medeiros, Deborah Adolfo Santos

Resumo


Os coliformes termotolerantes são definidos como “capazes de fermentar a lactose em meio EC, com produção de gás, no meio de 48 horas, a 45,5 °C”. O presente estudo teve por objetivo verificar a presença ou ausência de coliformes termotolerantes em amostras das mãos de manipuladores de alimentos de vias públicas do município de Santo André. A população de estudo foi composta por 12 manipuladores de cachorro-quente. Os métodos utilizados foram: um questionário observacional e um aplicado ao manipulador, além de coleta de amostras das mãos dos manipuladores, submetidas a meios de cultura. Todas as amostras inoculadas no meio de cultura nutriente apresentaram contaminação. Dos 108 tubos de Durhan com caldo VBB inoculados 100 (92,59%) apresentaram turvação do meio e 50 (46,30%) apresentaram formação de gás no interior do tubo de Durhan caracterizando a presença de coliformes totais. Foram inoculados 36 caldos EC, os quais 91,66% e 50% das amostras coletadas das unhas, 83,33% e 58,33% dos dedos e 75% e 66,67% das palmas das mãos apresentaram turvação e formação de gás respectivamente evidenciando a presença de coliformes termotolerantes. Vinte e quatro amostras foram utilizadas para confirmação da presença de E. coli, quinze (62,5 %), apresentaram colônias verde-brilhantes em meio EMB. Concluiu-se que o principal motivo pelo qual, várias amostras se apresentaram contaminadas por coliformes foi a higiene das mãos insuficiente, já que 100% dos manipuladores não lavavam as mãos durante o trabalho mostrando a necessidade de atitudes dos órgãos competentes para eliminar ou minimizar os riscos de contaminação.


Palavras-chave


microbiologia de alimentos, higiene de alimentos, comida de rua

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revunivap.v17i30.24

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.