POLINIZAÇÃO PREFERENCIAL DA GOIABEIRA ‘PALUMA’

Matheus Alves Silva, Séphora Neves da Silva, Marina Santos Carvalho, Adésio Ferreira, Marcia Flores da Silva Ferreira

Resumo


Dentre as mais importantes frutas no cenário brasileiro e mundial, destaca-se a goiaba. Sabe-se que o genótipo doador de pólen pode influenciar nas condições física e química dos frutos, por isso, é relevante entender mais amplamente as características relacionadas à polinização. Nesse trabalho, propuseram-se como objetivos determinar a taxa de autopolinização e polinização cruzada e inferir sobre um possível doador preferencial de pólen para o genótipo Paluma. Para isso, foram coletadas folhas de 23 genótipos (possíveis pais) presentes em um pomar comercial no município de Linhares, Espírito Santo. Foram também coletados 15 frutos grandes e 15 pequenos do genótipo Paluma, extraídas as sementes (filhos), colocadas para germinar. Em seguida, foi realizado teste de paternidade, utilizando marcadores microssatélites, comparando os genótipos das plântulas obtidas dos frutos com os possíveis polinizadores presentes no pomar. Verificou-se 100% de fecundação cruzada. O genótipo Século XXI foi identificado como doador preferencial de pólen, com 72,73% e 94,44% de paternidade, para filhos oriundos de frutos grandes e pequenos, respectivamente. Os dados obtidos nesse trabalho revelam uma futura possibilidade de seleção de genótipos para composição de um pomar e planejamento de cruzamentos, a fim de aumentar a produtividade e qualidade dos frutos.

Palavras-chave


Pólen; Microssatélite; Paternidade; Tamanho do fruto.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1399

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Univap

Revista UniVap, e-ISSN 2237-1753, é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 7 indexadores e 1 diretório:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.