AVALIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO DA TERAPIA FOTODINÂMICA COM AZUL DE METILENO AO ÓLEO SAFETEAM® SOBRE CEPAS DE CANDIDA ALBICANS ISOLADAS DE CATETER

Mirian Freitas, Amanda Machado, Anelise Doria, Raduan Hage, Sônia Khouri

Resumo


As espécies de Candida estão entre as principais causas de infecção da corrente sanguínea, promovendo elevados índices de mortalidade, sendo a Candida albicans a espécie mais frequente em infecções hospitalares. Atualmente, diversos medicamentos antifúngicos são utilizados, porém podem ser tóxicos ao hospedeiro e, com o seu uso excessivo, as leveduras têm adquirido resistência ao tratamento convencional. O objetivo do presente estudo é avaliar os efeitos da associação da Terapia Fotodinâmica (PDT) com Azul de Metileno ao óleo Safeteam® e o seu efeito na inativação sobre cepas de Candida albicans isoladas de cateter. O experimento foi realizado com a irradiação dos grupos, em placa de Kline, utilizando LED (Diodo Emissor de Luz) e densidade de energia de 15 J/cm², sendo, posteriormente, incubadas a 37ºC por 48h, e realizada análise quantitativa para avaliar o percentual de redução de Unidades Formadoras de Colônias (UFCs).  Quando analisado o efeito da associação do óleo Safeteam® à PDT, foi observada uma significativa redução de UFCs, quando comparado ao grupo controle e o grupo utilizando o óleo e a PDT isoladamente, demonstrando ser uma promissora modalidade terapêutica na inativação, in vitro, de cepas de Candida albicans isoladas de cateter.


Palavras-chave


Candida albicans; óleo essencial; terapia fotodinâmica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v24i44.380

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista Univap

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional, resenhas e revisão de literatura nas diversas áreas do conhecimento científico, sempre a critério de sua Comissão Editorial e de acordo com o formato dos artigos publicados.

<Notas para trabalhos de revisão de literatura>

Recomenda-se que atendam aos requisitos:

- domínio sobre o tema abordado; base para o avanço do conhecimento na área de foco; finalidade de explicar com clareza o tema; respeitar aspectos básicos de construção: relevância e interesse; servir de base para descobrir lacunas e resolvê-las em modelo conceitual propondo encaminhamento de hipóteses ou proposições; focar na teoria e não somente em resultados; incluir nova pesquisa de referências mais recentes; não citar somente o que outros trabalhos fizeram anteriormente.

Itens dessa sessão não receberão DOI e não serão incluídos para indexação da revista.


- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.