ATIVIDADE DE DETERRÊNCIA ALIMENTAR DO ÓLEO ESSENCIAL DE LARANJA AMARGA SOBRE Helicoverpa armigera HÜBNER

Victor Luiz de Souza Lima, Cristhian Eliseo Durán Aguirre, João Marcos Caliman Colodette, Saulo Pedroti Spala Oliveira, Dirceu Pratissoli

Resumo


Diversas plantas possuem compostos secundários com propriedades inseticidas e o óleo essencial de laranja amarga mostra-se com grande potencial para o controle de pragas. Recentemente, foi registrada no Brasil a espécie Helicoverpa armigera, uma das maiores pragas da agricultura mundial. Tendo em vista a falta de métodos alternativos aos inseticidas para o controle dessa praga, o objetivo desse trabalho foi avaliar os efeitos do óleo essencial de laranja amarga sobre H. armigera. Foi realizado um teste de escolha para avaliar a atividade deterrente. Folhas de tomate foram imersas em soluções contendo óleo de laranja amarga em três concentrações (1, 10 e 100 mg L-1). As folhas tratadas com óleo e folhas não tratadas foram oferecidas à lagartas de segunda instar e após 24h foi calculado o índice de deterrência alimentar (IDA). A concentração de 1 mg L-1 apresentou 71% de deterrência alimentar. Porém as concentrações de 10 e 100 mg L-1 causaram fitotoxidez às folhas de tomate, inviabilizando o consumo pelas lagartas e a estimativa do IDA. Novos testes devem ser realizados com concentrações menores para evitar a fitotoxidez.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1003

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Univap

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.