LÓGICA FUZZY NA ANÁLISE ESPACIAL DOS TEORES DE K E S NO TECIDO FOLIAR DO MAMOEIRO

Abel Souza da Fonseca, Mariana Lima de Jesus, Julião Soares de Souza Lima

Resumo


Objetivou-se com este trabalho utilizar lógica fuzzy para mapear os graus de pertinência do K e do S considerando a variabilidade espacial de cada nutriente avaliado e o conjunto dos teores ideias. O estudo foi realizado em lavoura comercial de mamão, no norte do Espírito Santo, onde forma coletadas folhas recém-maduras em pontos georreferenciados. Foram determinados os teores foliares de K e S. Definida a dependência espacial foram confeccionados mapas temáticos por meio da krigagem ordinária. À partir dos mapas, determinou-se o universo de discurso de cada nutriente, seguido da construção dos conjuntos fuzzy de entrada, por meio da função trapezoidal. Com os mapas dos teores foliares realizou-se a classificação fuzzy. Os graus de pertinência para K representam os teores foliares abaixo do recomendado pela literatura. O S encontrado no tecido foliar apresentou se encontarm com mais pertinencia na faixa dos teores ideais.

Palavras-chave


Lógica difusa, geoestatística, análise foliar, Carica papaya

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1505

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Univap

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional, resenhas e revisão de literatura nas diversas áreas do conhecimento científico, sempre a critério de sua Comissão Editorial e de acordo com o formato dos artigos publicados.

<Notas para trabalhos de revisão de literatura>

Recomenda-se que atendam aos requisitos:

- domínio sobre o tema abordado; base para o avanço do conhecimento na área de foco; finalidade de explicar com clareza o tema; respeitar aspectos básicos de construção: relevância e interesse; servir de base para descobrir lacunas e resolvê-las em modelo conceitual propondo encaminhamento de hipóteses ou proposições; focar na teoria e não somente em resultados; incluir nova pesquisa de referências mais recentes; não citar somente o que outros trabalhos fizeram anteriormente.

Itens dessa sessão não receberão DOI e não serão incluídos para indexação da revista.


- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.