ANÁLISE DO BIOFLUIDO SALIVAR PÓS-TERAPIA LED TRANSCUTÂNEA EM REGIÃO MASSETÉRICA – ESTUDO CLÍNICO

Vanessa Borelli Seefeldt, Leandro Junio Masulo, Davidson Ribeiro Costa, Renata Amadei Nicolau

Resumo


O biofluído salivar (BS) é um líquido secretado por glândulas salivares (GS). Possui a capacidade de manter a homeostasia da cavidade bucal e regular funções importantes do sistema estomatognático. A Terapia Laser ou LED de Baixa Intensidade (TLBI) tem sido investigada na área da saúde visando à redução de fadiga e a biomodulação tecidual e muscular. Contudo, não foram evidenciados estudos que analisassem o fluxo salivar, pH e capacidade tampão quando a TLBI é empregada, de forma transcutânea, em locais próximos às GS. Deste modo, o presente estudo tem como objetivo analisar as características bioquímicas do BS pré e pós-irradiação com LED no músculo masseter. Para tal, foram selecionados 6 voluntários do gênero masculino dos quais foram coletadas e analisadas duas amostras de saliva total não estimulada (STNE) e estimulada (STE), antes e após as terapias (controle, placebo ou LED terapia). Não foram evidenciadas diferenças significativas (p>0,05) entre as terapias avaliadas nos diferentes voluntários. Com base nos resultados é possível concluir que a irradiação LED não promoveu alteração nos parâmetros analisados.

Palavras-chave


Saliva; Glândula Salivar; LED

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1391

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Univap

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.