COMPARAÇÃO DO TEOR DE FENÓLICOS TOTAIS E DA AÇÃO ANTIOXIDANTE DE SUCOS INDUSTRIALIZADOS DE UVA E DE VINHOS TINTO

Simone de Paula Dias, Renato Farina Menegon

Resumo


Os benefícios do consumo diário de vinho tinto já são bem conhecidos e descritos, e incluem a diminuição da probabilidade de ocorrência de doenças coronárias e de complicações cardiovasculares. Atribui-se esta ação benéfica e “protetora” à presença de compostos flavonoides encontrados na casca da uva (Vitis vinifera), principalmente antocianidinas e do derivado fenólico resveratrol. Apesar disto, o vinho é caracterizado por apresentar entre 5 a 12% de álcool e o seu consumo diário pode trazer, juntamente aos benefícios cardíacos grandes prejuízos à saúde. O presente trabalho objetivou verificar se o consumo frequente de suco de uva tinto seria capaz de trazer os mesmos efeitos protetores do vinho tinto.  Observou-se nestas análises que a atividade antioxidante dos vinhos amostrados foi superior a dos sucos. Não foi possível observar diferença significativa entre os teores de compostos fenólicos totais nas amostras de suco e de vinho. Uma vez que a atividade antioxidante está muito relacionada à proteção cardiovascular, conclui-se que o consumo do suco de uva tinto não é capaz de substituir o vinho em sua ação protetora

Palavras-chave


Polifenóis, Vinho tinto, Suco de uva, Atividade Antioxidante

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revunivap.v18i32.114

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.