TEMPERATURAS DAS DIETAS DE PACIENTES SERVIDAS EM UM HOSPITAL

Camila Kelly de Sena Souza, Mônica Glória Neumann Spinelli, Andrea Carvalheiro Guerra Matias

Resumo


Para que o alimento possa cumprir seu papel de mantenedor do estado nutricional dos pacientes, é preciso considerar a composição nutricional, a qualidade microbiológica e os aspectos organolépticos da refeição. Nesse contexto, este estudo teve por objetivo avaliar a temperatura das preparações destinadas aos pacientes de um hospital particular em São Paulo. As refeições são acondicionadas em dois tipos de recipientes: pratos retornáveis e pratos térmicos descartáveis capazes de suportar reaquecimento em forno micro-ondas. Neste trabalho, foram analisadas as dietas oferecidas no almoço e jantar dos pacientes em sete refeições. A temperatura foi aferida na montagem, e antes da entrega ao paciente com um termômetro a laser. Todos os alimentos apresentaram temperaturas corretas ao final da cocção, porém apenas 5,4% das preparações se encontravam em temperatura de segurança no momento da montagem das bandejas dos pacientes. Nas copas, 8,9% das preparações se encontravam abaixo da temperatura correta, após o reaquecimento. Apesar do reaquecimento final possivelmente melhorar a aceitação da dieta, a qualidade microbiológica pode estar comprometida, uma vez que os alimentos foram mantidos em temperatura inadequada entre uma e duas horas. Torna-se necessário investimento em novos equipamentos no local de produção, para evitar perda da temperatura antes da montagem das bandejas com consequente aumento do tempo de exposição dessas preparações em temperaturas inadequadas, além de manutenção preventiva e corretiva dos equipamentos utilizados no local de distribuição, treinamento dos funcionários e monitoramento constante da temperatura durante todo processo produtivo.

Palavras-chave


Dietas hospitalares; temperatura dos alimentos; qualidade dos alimentos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i39.317

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Univap

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional, resenhas e revisão de literatura nas diversas áreas do conhecimento científico, sempre a critério de sua Comissão Editorial e de acordo com o formato dos artigos publicados.

<Notas para trabalhos de revisão de literatura>

Recomenda-se que atendam aos requisitos:

- domínio sobre o tema abordado; base para o avanço do conhecimento na área de foco; finalidade de explicar com clareza o tema; respeitar aspectos básicos de construção: relevância e interesse; servir de base para descobrir lacunas e resolvê-las em modelo conceitual propondo encaminhamento de hipóteses ou proposições; focar na teoria e não somente em resultados; incluir nova pesquisa de referências mais recentes; não citar somente o que outros trabalhos fizeram anteriormente.

Itens dessa sessão não receberão DOI e não serão incluídos para indexação da revista.


- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.