DESINFESTAÇÃO DE REBENTOS DE SISAL PARA UTILIZAÇÃO IN VITRO

Flavia Monique Sales Nobrega, Taíza da Cunha Soares, Alberto Soares de Melo, Julita Maria Frota Chagas Carvalho

Resumo


Em todo o mundo, o sisal (Agave sisalana) é conhecido pelo alto teor de suas fibras, amplamente utilizadas na fabricação de utensílios, na indústria automotiva, na indústria química e na construção cívil. No entanto, alguns fatores podem inviabilizar o desenvolvimento da cultura, a exemplo de doenças, como a podridão do colo, causada por fungos do gênero Pythium sp. Visando à obtenção de mudas sadias e livres de patógenos buscou-se, com este trabalho, definir um protocolo eficiente para a desinfestação de rebentos de sisal, utilizando-se diferentes concentrações e diversas combinações do antibiótico Citrofloxacino e do Fungicida Baytan®. Os explantes foram desinfestados em soluções com detergente neutro, hipoclorito de sódio e formaldeído e, em seguida, submetidos a soluções com diferentes concentrações do antibiótico e do fungicida combinados e só então cultivados em meio MS. Foram realizadas avaliações aos 7, 15 e 21 dias, após o cultivo, para análise da taxa de contaminação bacteriana e fúngica. Observou-se, portanto, que a utilização de 0,5% do fungicida Baytan®, associado a 1% do antibiótico Citrofloxacino, foi mais eficiente na descontaminação de explantes de sisal.


Palavras-chave


Desinfestantes; Agave sisalana; cultivo de tecidos

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v21i37.291

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Revista Univap

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.