POPULAÇÃO E SINTOMAS DE Thaumastocoris peregrinus (HEMIPTERA: THAUMASTOCORIDAE) EM PLANTAS DE EUCALIPTO

Ivan da Costa Ilhéu Fontan, Marlon Michel Antônio Moreira Neto, Sharlles Christian Moreira Dias

Resumo


O objetivo do presente estudo foi monitorar a evolução dos sintomas do ataque e o aumento populacional de Thaumastocoris peregrinus em plantios de eucalipto avaliando seus instantes de máxima expressão e suas implicações no manejo integrado deste inseto. Foram utilizados clones híbridos de Eucalyptus urophylla (PL-3335, PL-3336 e PL-40) plantados na região centro-norte de Minas Gerais. Cada uma das três repetições do experimento foi composta por três árvores de onde foram coletados ramos da porção mediana da copa em sete ocasiões diferentes (0, 7, 21, 38, 54, 83 e 102 dias) Em cada avaliação foram contabilizados o número total de insetos (adultos e ninfas) e folhas nos ramos, e realizada uma avaliação visual da expressão dos sintomas nas plantas (escala de notas de severidade). Foi evidenciada a preferência do inseto pelos PL-3336 e PL-40, e a resistência natural das plantas do clone PL-3335. A expressão máxima dos sintomas nas plantas não ocorreu em sincronia temporal com o ápice populacional do inseto na área, sugerindo que o manejo de T. peregrinus seja baseado na identificação precoce e monitoramento populacional.

Palavras-chave


eucalipto, manejo integrado, Thaumastocoris peregrinus

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.774

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Univap

Revista UniVap é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 9 indexadores:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.