PINTURAS RUPESTRES E PROBLEMAS DE CONSERVAÇÃO DO SÍTIO EXPULSAR I, MUNICÍPIO DE QUITERIANÓPOLIS, CEARÁ, BRASIL

Lucineide Marquis de Souza, Heralda Kelis Sousa Bezerra da Silva, Bruna Gomes Brito, Sônia Maria Campelo Magalhães, Luis Carlos Duarte Cavalcante

Resumo


Neste trabalho apresenta-se o levantamento do sítio arqueológico Expulsar I, localizado no povoado Angical, área rural do município de Quiterianópolis, estado do Ceará, Brasil. Trata-se de um pequeno abrigo sob-rocha arenítica, cujas paredes e teto estão decorados com 140 pinturas rupestres miniaturizadas, representado antropomorfos (em sua maioria segurando propulsores e lanças ou fitomorfos), pegadas de aves (tridígitos), aves, cervídeos, fitomorfos, pé humano e grafismos abstratos (entre os quais bastonetes e conjuntos de dígitos).18 manchas de tinta sem contorno definido também são observadas. As pinturas foram efetuadas predominantemente em diferentes tonalidades de cor vermelha, contudo, também ocorrem diversas figuras em amarelo, inclusive havendo motivos em bicromia. As figuras são delicadas e graciosas, tipicamente da Tradição Nordeste, em sua maioria compondo cenas e mostrando movimento e dinamismo. O abrigo encontra-se em avançado estado de degradação natural, com o arenito se decompondo. O levantamento dos principais problemas de conservação também é discutido em detalhes.


Palavras-chave


Pintura rupestre; Tradição Nordeste; Expulsar I; Arqueologia; Ceará.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1128

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Univap

Revista UniVap, e-ISSN 2237-1753, é uma publicação eletrônica (a partir da edição nº 29 passa a ser on-line) editada pela Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), que tem o intuito de promover a divulgação de pesquisas e estudos, cumprindo a tríplice missão da universidade, de proporcionar ensino, pesquisa e extensão de modo indissociável. Esta publicação incentiva as pesquisas e procura o envolvimento de seus professores e alunos em pesquisas e cogitações de interesse social, educacional, científico ou tecnológico. Aceita artigos originais, não publicados anteriormente, de seus docentes, discentes, bem como de autores da comunidade científica nacional e internacional. Publica artigos, notas científicas, relatos de pesquisa, estudos teóricos, relatos de experiência profissional e resenhas.

- ACESSO ÀS NORMAS GERAIS PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS NA REVISTA UNIVAP

- FLUXOGRAMA DO PROCESSO EDITORIAL


O endereço da revista é http://revista.univap.br/index.php/revistaunivap

 

Atualmente, a Revista UNIVAP possui 8 indexadores e 1 diretório:

O Índice de Citações da Revista UNIVAP está disponível por intermédio do Google Acadêmico <https://scholar.google.com.br/citations?user=tmYYoVwAAAAJ&hl=pt-BR>.