AJUSTES DE MODELOS MATEMÁTICOS À CINÉTICA DE SECAGEM DA POLPA DE MORANGO (Fragaria sp.)

Autores

  • Wallaf Costa Vimercati Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias e Engenharias http://orcid.org/0000-0002-6398-2991
  • Cintia da Silva Araújo Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias e Engenharias
  • Leandro Levate Macedo Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias e Engenharias

DOI:

https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.633

Palavras-chave:

Morango, Secagem, Modelos matemáticos

Resumo

O morango é um fruto que contém relevantes aspectos nutricionais e sensoriais. Os frutos apresentam alto grau de perecibilidade, sendo necessário emprego de técnicas de conservação para minimizar as perdas de seus atributos. A secagem em leito de espuma proporciona menores temperaturas e tempo de secagem, contribuindo assim, com o valor nutricional e sensorial dos alimentos. O objetivo foi estudar o processo de secagem em leito de espuma da polpa de morango na temperatura de 55 ºC e realizar o ajuste dos modelos matemáticos que melhor descrevam a cinética de secagem. Foram ajustados os modelos de Lewis, Henderson e Pabis, Midili modificado e Page. O modelo de Page foi o que melhor se ajustou aos dados experimentais na temperatura estudada, pois apresentou o maior valor do coeficiente de determinação ajustado e menor valor do erro padrão da regressão, assim, esse modelo foi o mais adequado para descrever o processo de secagem da polpa de morango.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-12-05

Como Citar

Vimercati, W. C., Araújo, C. da S., & Macedo, L. L. (2016). AJUSTES DE MODELOS MATEMÁTICOS À CINÉTICA DE SECAGEM DA POLPA DE MORANGO (Fragaria sp.). Revista Univap, 22(40), 209. https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.633