AVALIAÇÃO DO CRESCIMENTO DE BIOFILME DE STAPHYLOCOCCUS AUREUS, IN VITRO, EM LÚMEN DE CATETERES DE POLIURETANO

Autores

  • Amanda Cristina de Oliveira Universidade do Vale do Paraíba
  • Rayra Reithiele do Nascimento Ribeiro da Cruz Universidade do Vale do Paraíba
  • Camilla Abud de Carvalho Universidade do Vale do Paraíba
  • Anelise Cristina Ozório Cesar Dória Universidade do Vale do Paraíba
  • Jhonatan S. Brandão de Lima Universidade do Vale do Paraíba
  • Rodrigo Savio Pessoa Universidade do Vale do Paraíba
  • Sonia Khouri Universidade do Vale do Paraíba

DOI:

https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v24i46.1951

Palavras-chave:

Staphylococcus aureus, cateter de poliuretano, biofilme, plasma elétrico.

Resumo

Os Cateteres Venosos Centrais (CVC’s) são os dispositivos hospitalares que podem desenvolver biofilme bacteriano em sua superfície e na região intraluminal, horas após a sua instalação, devido às infecções que podem ser acometidas pelo cateter, sendo necessário o tratamento endoluminal do dispositivo por meio de métodos antimicrobianos eficazes. O estudo teve como objetivo induzir, “in vitro”, a formação de biofilme de Staphylococcus aureus (ATCC 25922) utilizando um sistema que simulasse a circulação sanguínea e avaliar o efeito do plasma no tratamento do biofilme. Na metodologia foi utilizado um inóculo bacteriano, em caldo TSB, que permaneceu circulando em cateteres de poliuretano, ligados a uma bomba peristáltica durante 24 h. O material de poliuretano é retirado do sistema, fragmentado e tratado com plasma de 6 L/min de argônio e 4 L/min de ar nos tempos: 150, 300 e 600 segundos. Após tratamento, realizou-se a contagem das Unidades Formadoras de Colônias e análise morfológica da superfície do biofilme por Microscopia Eletrônica de Varredura. Após a incubação e leitura, observou-se redução de UFC/mL, de 99%, 99% e 100% nos tempos de 150, 300 e 600 segundos, respectivamente. Conclui-se, portanto, que o tratamento a plasma provocou efeitos bacteriostático e bactericida sob o micro-organismo estudado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-12-17

Como Citar

Oliveira, A. C. de, Cruz, R. R. do N. R. da, Carvalho, C. A. de, Dória, A. C. O. C., Lima, J. S. B. de, Pessoa, R. S., & Khouri, S. (2018). AVALIAÇÃO DO CRESCIMENTO DE BIOFILME DE STAPHYLOCOCCUS AUREUS, IN VITRO, EM LÚMEN DE CATETERES DE POLIURETANO. Revista Univap, 24(46), 74–83. https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v24i46.1951