DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DE PARACOCCIDIOIDOMICOSE: RELATO DE CASO CLÍNICO

Autores

  • Jéssica Stuchi Rosario Universidade do Vale do Paraíba - UNIVAP
  • Poliana de Fátima Toledo Universidade do Vale do Paraíba - UNIVAP
  • Camila Porto de Deco Universidade do Vale do Paraíba
  • Renata Amadei Nicolau Universidade do Vale do Paraíba - UNIVAP
  • Antonio Carlos Victor Canettieri Universidade do Vale do Paraíba - UNIVAP

DOI:

https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1337

Palavras-chave:

Paracoccidioidomicose, Blastomicose sul-americana

Resumo

A paracoccidioidomicose é causada pelo fungo Paracoccidioides brasilienses e é a micose sistêmica mais frequente da América Latina. A doença apresenta alta incidência no Brasil e representa a terceira causa de óbito por doença infecciosa crônica no país. O acometimento bucal é comum, que apresenta lesões com aspecto granular, eritematoso, ulcerado e com um fino pontilhado hemorrágico. O objetivo do trabalho foi relatar um caso de paracoccidioidomicose oral diagnosticado na cidade de São José dos Campos-SP.  O paciente apresentava lesão com aspecto moriforme, característico da doença, contudo a citologia esfoliativa e a biópsia não confirmaram o diagnóstico, o que só foi possível por meio do teste sorológico. O paciente foi considerado curado após um ano de tratamento com antifúngico. A capacidade do cirurgião-dentista em diagnosticar a doença e fazer o encaminhamento para tratamento diminui consideravelmente as sequelas bucais e sistêmicas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-03-16

Como Citar

Stuchi Rosario, J., Toledo, P. de F., Porto de Deco, C., Amadei Nicolau, R., & Canettieri, A. C. V. (2017). DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DE PARACOCCIDIOIDOMICOSE: RELATO DE CASO CLÍNICO. Revista Univap, 22(40), 641. https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1337