DESCRIÇÃO MICROSCÓPICA DOS OVÁRIOS DE Callinectes ornatus (Crustacea: Brachyura) DO LITORAL SUL DO ESPÍRITO SANTO

Autores

  • Marina Lopes Marinho Universidade Federal do Espírito Santo
  • Jamily Almeida Fontoura Universidade Federal do Espírito Santo
  • Tugstênio Lima de Souza Universidade Federal do Espírito Santo
  • Adriane Araújo Braga Universidade Federal do Espírito Santo
  • Erika Takagi Nunes Universidade Federal do Espírito Santo

DOI:

https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1044

Resumo

O presente estudo visou caracterizar a morfologia microscópica das gônadas femininas de siris Callinectes ornatus, coletados no litoral de Anchieta/ES, entre outubro de 2013 e outubro de 2014. Os animais foram triados e as fêmeas tiveram seu sistema reprodutor dissecado e submetido à rotina histológica para a análise sob microscopia de luz. Ao longo do processo da maturação foi notado que as células menos desenvolvidas, de oogônias à oócitos II, o citoplasma é altamente basófilo. Já os oócitos III-IV possuem um aumento de acidofilia plasmática, caracterizado pela incorporação de vitelo, provavelmente de origem exógena, e amadurecimento destas células. Quando observado microscopicamente, os tipos celulares encontrados nas gônadas permitiram caracterizar as fases de desenvolvimento gonadal. Sendo imaturas as que apresentaram oogônias e oócitos I; as rudimentares, oócitos II; aquelas em desenvolvimento, oócitos III; as desenvolvidas, oócitos IV; e aquelas no estágio esgotado, oócitos sendo absorvidos pelo ovário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-02-03

Como Citar

Marinho, M. L., Fontoura, J. A., de Souza, T. L., Braga, A. A., & Nunes, E. T. (2017). DESCRIÇÃO MICROSCÓPICA DOS OVÁRIOS DE Callinectes ornatus (Crustacea: Brachyura) DO LITORAL SUL DO ESPÍRITO SANTO. Revista Univap, 22(40), 463. https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1044