NÍVEL DE RUÍDO EM OPERAÇÕES AGRÍCOLAS: ESTUDO DE CASO COM ROÇADEIRAS MOTORIZADAS

Autores

  • Leonardo Lã Ferrari Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes) - Campus de Alegre, Alegre, ES,Brasil.
  • Stéphanie Lã Ferrari Faculdade de Direito de Cachoeiro de Itapemirim, Rodovia Engenheiro Fabiano Vivacqua, 1759 - Morro Grande, Cachoeiro de Itapemirim, ES, Brasil.
  • Jéferson Luiz Ferrari Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes) - Campus de Alegre, Alegre, ES,Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.839

Resumo

Este trabalho teve como objetivo verificar os níveis de ruído emitidos por máquinas agrícolas durante operações de roçagem. Foram medidos e avaliados, em condições de campo, os níveis de ruído emitidos por um microtrator cortador de grama e por uma roçadeira costal motorizada. O equipamento empregado para se fazer a medição foi um decibelímetro digital Sound Meter. Foram feitas medições, antes e durante as operações. Durante as operações foram feitas medições até o raio de 15 m, sempre do lado direito do operador. O método de avaliação foi baseado no nível de ruído, no posto de operação, de tratores e máquinas agrícolas (NBR 9.999/1987), que é a norma brasileira específica para a medida de ruído em tratores e seus efeitos sobre o tratorista, e na Norma 15/1978, do Ministério do Trabalho e do Emprego, que indica como prejudicial, o ruído de 85 dB para uma exposição máxima de 8 horas diárias. Antes das operações de roçagem, o nível sonoro da paisagem era de 30 dB e, durante as operações, o nível de ruído não ultrapassou o valor recomendado, apresentando valor máximo de 85 dB. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-01-18

Como Citar

Ferrari, L. L., Ferrari, S. L., & Ferrari, J. L. (2017). NÍVEL DE RUÍDO EM OPERAÇÕES AGRÍCOLAS: ESTUDO DE CASO COM ROÇADEIRAS MOTORIZADAS. Revista Univap, 22(40), 345. https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.839