QUALIDADE DE VIDA DE PORTADORES DE HIV/AIDS ATENDIDOS EM AMBULATÓRIO MÉDICO DE UMA CIDADE DO VALE DO PARAÍBA PAULISTA

Gleice Talita Costa, Patrícia Silva Belo, Carolina Helena da Silva Bessa, Francine da Costa Alves, Ana Lucia de Faria, Teresa Celia de Mattos Moraes dos Santos, Jaqueline Girnos Sonati, Milva Maria Figueiredo de Martino, Eliana de Fátima Almeida Nascimento

Resumo


Qualidade de vida é a percepção do individuo de sua posição na vida, no contexto da cultura e dos sistemas de valores que vivem, e em relação aos seus objetivos, expectativas, padrões e preocupações, englobando a saúde física, e o estado psicológico, doenças inesperadas e crônicas podem vir a afetar qualidade de vida do individuo. Objetivo: verificar a qualidade de vida de indivíduos com HIV/AIDS que frequentam um Ambulatório de Moléstias Infecciosas (AMI) em uma cidade do Vale do Paraíba - SP. Método: Estudo exploratório, descritivo, realizado com pacientes de um ambulatório médico aplicando um questionário de caracterização e o instrumento Whoqol-HIV-bref. Resultados: Amostra do estudo foram de 5 pacientes, sendo 4 do sexo masculino na faixa etária de 20 anos quando contraíram a doença. Conclusão: O estudo demonstrou que os pacientes do ambulatório apresentam boa qualidade de vida.


Palavras-chave


Qualidade de vida; HIV/AIDS; Whoqol-HIV-bref

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.767

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Univap

 

 Universidade do Vale do Paraíba – UNIVAP

Pró-reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa

Profa. Dra. Sandra Maria Fonseca da Costa

Av. Shishima Hifumi, 2911 – Urbanova
12244-000 - São José dos Campos – SP

revista.univap.br-revista@univap.br
Telefone: (12) 3947-1237

 

Licença Creative Commons

Esse trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.