ETILENODIAMINA COMO INIBIDOR DE CORROSÃO DOS AÇOS INOXIDÁVEIS AUSTENÍTICOS 304 E 316 EM MEIO ÁCIDO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v26i51.2434

Palavras-chave:

Aços inoxidáveis austeníticos, inibidor de corrosão, etilenodiamina, meio ácido, polarização.

Resumo

Os aços inoxidáveis austeníticos são amplamente utilizados no meio industrial em virtude de suas boas propriedades mecânicas e da sua resistência a corrosão. Entretanto, em meios de elevada corrosividade, tais como em presença de íons cloreto, esses aços apresentam uma susceptibilidade a alguns processos corrosivos, como por exemplo a corrosão por pite e intergranular.  Os inibidores de corrosão são geralmente utilizados como forma de reduzir ou inibir os processos corrosivos. Compostos orgânicos contendo grupamento amino, dupla ligação, anel aromático ou átomos de N, O e S comumente apresentam capacidade inibidora da corrosão. Neste trabalho, foi avaliada a aplicação da etilenodiamina como inibidor da corrosão dos aços 304 e 316 em meio ácido. Observou-se que o composto apresentou inibição da corrosão em todas as concentrações estudadas. Entretanto, a maior eficiência de corrosão foi observada para as maiores concentrações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Krishna Alcantara Da Silva, Centro Universitário Estadual da Zona Oeste

Graduada em Tecnologia em Construção Naval pelo Centro Universitário da Zona Oeste (UEZO).
Atualmente mestranda em Ciência e Tecnologia de Materiais (UEZO).
Graduando Engenharia Metalúrgica (UEZO).

Possui experiência em pesquisa na área de engenharia metalúrgica, com ênfase em corrosão.

Referências

ATKINS, P.; JONES, L. Princípios de química: questionando a vida moderna e o meio ambiente. 3. ed. Porto Alegre: Bookman, 2006.

CHIAVERINNI, V. Aços e Ferros Fundidos. 7. ed. São Paulo: Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração, 2015.

DENG, S.; LI, X.; HUI, F. Nitrotetrazolium blue chloride as a novel corrosion inhibitor of steel in sulfuric acid solution. Corrosion Science, China, v. 52, n. 11, p. 3840-3846, November 2010.

EL HALEEM, S. M. A.; EL WANEES, S. A.; BAHGAT, A. Environmental factors affecting the corrosion behaviour of reinforcing steel. VI. Benzotriazole and its derivatives as corrosion inhibitors of steel. Corrosion Science, Egypt, v. 87, p. 321-333, October 2014.

ERAMI, R. et al. Carboxamide derivatives as new corrosion inhibitors for mild steel protection in hydrochloric acid solution. Corrosion Science, Iran, v. 151, p. 190-197, May 2019.

FINSGAR, M.; JACKSON, J. Application of corrosion inhibitors for steels in acidic media for the oil and gas industry: A review. Corrosion Science, Slovenia, v. 86, p. 17-41, September 2014.

FOUDA, A. et al. Evaluation of N-(3-(dimethyl hexadecyl ammonio)propyl) palmitamide bromide as cationic surfactant corrosion inhibitor for API N80 steel in acidic environment. Egyptian Journal of Petroleum, Egypt, v. 27, n. 4, p. 683-694, December 2018.

GENTIL, V. Corrosão. 3. ed. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos Editora S.A, 1996.

GAO, G.; LIANG, C.; WANG, H. Synthesis of tertiary amines and their inhibitive performance on carbon steel corrosion. Corrosion Science, China, v. 49, n. 4, p. 1833-1846, April 2007.

HE, X. et al.. Inhibition properties and adsorption behavior of imidazole and 2-phenyl-2-imidazoline on AA5052 in 1.0 M HCl solution. Corrosion Science, China, v. 83, p. 124-136, June 2014.

HEGAZY, M. A.; AIAD, I. 1-Dodecyl-4-(((3-morpholinopropyl)imino)methyl)pyridin-1-ium bromide as a novel corrosion inhibitor for carbon steel during phosphoric acid production. Journal of Industrial and Engineering Chemistry, Egypt, v. 31, p. 91-99, November 2015.

LI, X.; DENG, S.; HUI F. Triazolyl blue tetrazolium bromide as a novel corrosion inhibitor for steel in HCl and H2SO4 solutions. Corrosion Science, China, v. 53, n. 1, p. 302-309, January 2011.

MUTHUKUMAR, N. et al. 1-Aminoanthraquinone derivatives as a novel corrosion inhibitor for carbon steel API 5L-X60 in white petrol-water mixtures. Materials Chemistry and Physics, India, v. 115, n. 1, p. 444-452, May 2009.

OBOT, I. B. et al. Theoretical prediction and electrochemical evaluation of vinylimidazole and allylimidazole as corrosion inhibitors for mild steel in 1M HCl. Journal of Industrial and Engineering Chemistry, Saudi Arabia, v. 21, p. 1328-1339, January 2015.

POURNAZARI, Sh.; MOAYED, M. H.; RAHIMIZADEH, M. In situ inhibitor synthesis from admixture of benzaldehyde and benzene-1,2-diamine along with FeCl3 catalyst as a new corrosion inhibitor for mild steel in 0.5 M sulphuric acid. Corrosion Science, Iran, v. 71, p. 20-31, June 2013.

SILVA, K. et al. Aplicação da Trietilamina como Inibidor de Corrosão do Aço API em meio de Cloreto. Acta Scientiae & Technicae, Rio de Janeiro, v. 6, n. 1, p. 63-73, Junho 2018.

TAN, Y. J.; BAILEY, S.; KINSELLA, B. An investigation of the formation and destruction of corrosion inhibitor flims using electrochemical impedance spectroscopy (EIS). Corrosion Science, Austrália, v. 38, n. 9, p. 1545-1561, September 1996.

ZHANG, Z. et al. A study of the inhibition of iron corrosion by imidazole and its derivatives self-assembled films. Corrosion Science, China, v. 51, n. 2, p. 291-300, February 2009.

ZHOU, L. et al. Experimental and theoretical investigations of 1,3,5-tris(4-aminophenoxy) benzene as an effective corrosion inhibitor for mild steel in 1 M HCl. Journal of Molecular Liquids, China, v. 249, p. 179-187, January 2018.

Downloads

Publicado

2020-08-27

Como Citar

Da Silva, K. A., da Silva, L. de S. V., Vasconcellos, M. dos S., Santos, S. F., & Santana, A. I. de C. (2020). ETILENODIAMINA COMO INIBIDOR DE CORROSÃO DOS AÇOS INOXIDÁVEIS AUSTENÍTICOS 304 E 316 EM MEIO ÁCIDO. Revista Univap, 26(51), 191–200. https://doi.org/10.18066/revistaunivap.v26i51.2434