“SE FOR JORNALISTA QUE VEM AÍ, EU MANDO ENFORCAR”: GETÚLIO VARGAS – DA PRESIDÊNCIA DA REPUBLICA ÀS PAGINAS DOS JORNAIS

Maiara Sanches Leite, Sandra Maria Fonseca da Costa, Maria José Acedo Del Olmo Toledo

Resumo


Este artigo visa abordar a relação do Presidente Getúlio Vargas com a imprensa, mais precisamente com o jornal Folha da Manhã. A pesquisa se realiza no ano de 1952, com a ampla discussão sobre a criação da Petrobrás, dentro de nossas análises previas, e com o debate em torno da oposição de ideias, entre os “nacionalistas” que defendiam o monopólio estatal e os “liberais”, que defendiam a abertura ao capital particular. Dentro desse aspecto, visamos discorrer sobre o comportamento da Folha da Manhã, tanto em relação à posição do presidente, quanto às medidas nacionalistas em que a indústria petrolífera foi pautada. 


Palavras-chave


Folha da Manhã, imprensa, liberal, nacionalista, Petrobrás.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.762

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Univap

 

 Universidade do Vale do Paraíba – UNIVAP

Pró-reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa

Profa. Dra. Sandra Maria Fonseca da Costa

Av. Shishima Hifumi, 2911 – Urbanova
12244-000 - São José dos Campos – SP

revista.univap.br-revista@univap.br
Telefone: (12) 3947-1237

 

Licença Creative Commons

Esse trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.